PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO
ENGENHARIA DE ALIMENTOS

Menu

Proposta Curricular

Estrutura Curricular

A estrutura curricular do Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Alimentos, do programa está organizada em quatro conjuntos:

 

1. Disciplinas obrigatórias

2. Disciplinas eletivas

3. Exame de Qualificação

4. Estratégias inovadoras de formação

 

1. DISCIPLINAS OBRIGATÓRIAS

Todos os alunos devem cursar três disciplinas obrigatória de formação, independente da natureza do curso (mestrado ou doutorado), a saber:

 

  • Métodos Matemáticos na Indústria de Alimentos (45h; 3 créditos),
  • Termodinâmica Aplicada à Engenharia de Alimentos (45h; 3 créditos),
  • Química e Bioquímica de Alimentos (45h; 3 créditos).

 

Estas disciplinas visam fornecer uma formação sólida nos aspectos mais fundamentais, que visam dar suporte específico para a área de Engenharia de Alimentos. Além das disciplinas obrigatórias, as disciplinas de Seminários I (mestrado ? 1 crédito) e Seminários II (doutorado ? 1 crédito) são ofertadas para garantir um aprendizado teórico e prático variado em temáticas de interesse do programa. Nestes seminários são realizadas apresentações técnicas envolvendo defesas de dissertação ou tese, congressos nacionais e internacionais, palestras e simpósios. Os materiais gerados nestas disciplinas são redigidos em inglês, assim como parte da apresentação oral.

 

Além desse conjunto de disciplinas, existe importante preocupação em garantir boa formação em docência, que se faz relevante pela natureza acadêmica do programa. Assim, a disciplina Prática de Docência visa aperfeiçoar a formação dos pós-graduandos no exercício da docência no Ensino Superior e é realizada nos cursos de graduação sob supervisão do docente responsável pela disciplina. A Prática de Docência demanda atividades de ensino de graduação, as quais são devidamente regulamentadas na própria UFPR. O PPGEAL dispõe de 4 (quatro) disciplinas de ?Prática de Docência na Engenharia de Alimentos? que devem ser cursadas durante todo o semestre letivo. O aumento no número destas disciplinas possibilitou a ampliação da atuação discente em disciplinas da graduação e constitui um importante elo de aproximação entre a graduação e a pós-graduação. Estas disciplinas são conduzidas mediante um plano de atividades, balizadas por um cronograma de atividades, elaborado pelo docente responsável, o orientador, com participação do discente. Ao final, o docente responsável apresenta um relatório sobre as atividades realizadas e a nota obtida pelo discente. A experiência vivida pelo discente de pós-graduação, contextualizada no ambiente de graduação, tem trazido benefícios, pois tem preparado o pós-graduando para a docência e permite aos graduandos a troca de experiências e uma melhor percepção do papel da pesquisa para o desenvolvimento da área. A Prática de Docência, em conjunto com outras ações, tem estimulado os graduandos a se candidatarem em programas de Iniciação Científica, no PPGAL e em outros em Programas de Pós-Graduação e cumprem, adequadamente, um importante papel integrador.

 

2. DISCIPLINAS ELETIVAS

Além das disciplinas obrigatórias, os discentes devem cursar as disciplinas eletivas, escolhidas em comum acordo com seus orientadores. Estas disciplinas comporão os 18 créditos exigidos para o mestrado e os 36 créditos para o doutorado. No caso do aluno de doutorado, é possível a equivalência ou aproveitamento das disciplinas cursadas no mestrado.

 

As disciplinas eletivas contemplam temas envolvidos em ambas as Linhas de Pesquisa. Além disso, o programa oferece as disciplinas denominadas Tópicos Especiais em Processos e Produtos Alimentícios. Estas disciplinas possibilitam a abordagem de assuntos emergentes e que forneçam subsídios e fomentem os projetos de pesquisa do programa. Além das disciplinas que compõem o percurso formativo do programa, os discentes podem cursar disciplinas ofertadas pelo Programa de Pós-Graduação em Engenharia Química, Química, Nutrição, bem como outros da UFPR, sendo selecionadas de acordo com os temas específicos de sua pesquisa. Esta possibilidade incrementa de forma importante os aspectos inter- e multidisciplinares que permeiam os projetos de pesquisa do programa. Todas as disciplinas, obrigatórias e eletivas, com as suas respectivas ementas podem ser consultadas no sítio eletrônico: http://www.prppg.ufpr.br/site/posalim/disciplinas/.

 

3. EXAME DE QUALIFICAÇÃO

Em 2019 as disciplinas de Qualificação I e II deixaram de ser ofertadas como disciplinas e tornaram-se Exame. O Exame de Qualificação I é obrigatório para mestrandos e doutorandos, enquanto o Exame de Qualificação II é obrigatório somente para os doutorandos. O Exame de Qualificação (I e II) consiste em uma Sessão Pública realizada perante uma banca de 3 Doutores. Os membros da banca devem apresentar produção técnico-científica relevante em áreas compatíveis com o tema. O discente deverá entregar o texto técnico-científico escrito nas normas vigentes da UFPR para a banca examinadora, com antecedência mínima de 15 (quinze) dias.

 

O exame de Qualificação I deve ser realizado até o segundo semestre de ingresso para os mestrandos e até o terceiro semestre para os doutorandos. O discente deverá demonstrar o conhecimento sobre a fundamentação teórica e o estado da arte que envolve o tema do trabalho, bem como justificar a estratégia e o cronograma propostos. Além disso, esse exame avalia as perspectivas do protejo com relação a qualidade e produção científica. O Exame de Qualificação II é realizado pelo doutorando até o sexto semestre de seu ingresso. O doutorando deverá demonstrar conhecimento que permita a correlação dos fundamentos que compõe o trabalho e dos resultados apresentados, que visem o atendimento do objetivo proposto. O cronograma deve demonstrar a viabilidade da finalização de um trabalho de elevada qualidade, dentro do prazo estipulado pelas agências de fomento. Além disso, neste momento, é exigido a comprovação da submissão de pelo menos 1 (um) artigo científico em periódico da área e com reconhecida qualidade (estratos iguais ou superiores a B1; Classificação de Periódicos Quadriênio 2013-1016). Salienta-se que para a obtenção do título de mestre é requerida a publicação de pelo menos 1 (um) artigo científico, enquanto para o título de doutor, tal exigência é de pelo menos 2 (dois) artigos. O detalhamento do Exame de Qualificação está descrito na Resolução do PPGEAL disponível no sítio eletrônico: http://www.prppg.ufpr.br/site/posalim/documentos/.

Experiências Inovadoras de Formação

Em um momento em que as atividades de ensino à distância crescem mundialmente, a UFPR inovou no processo de ensino-aprendizagem ao lançar DISCIPLINAS TRANSVERSAIS que podem ser cursadas tanto de forma presencial quanto remota, mantendo, contudo, a interação entre professores e alunos. Considerando que tradicionalmente muitas disciplinas formativas como Estatística, Metodologia da Pesquisa, Filosofia da Ciência, dentre outras, são comuns (transversais) a um conjunto de programas de pós-graduação e que estas mesmas disciplinas são ofertadas no âmbito de cada programa, a UFPR buscou desenvolver alternativas que qualificassem a oferta e, ao mesmo tempo, ampliassem o acesso às atividades de ensino stricto sensu.

 

O objetivo dessas disciplinas é disseminar o conhecimento de fronteira, possibilitando a participação de convidados de referência internacional em cada área de conhecimento para ministrar disciplinas formativas.

 

Para tanto, a UFPR desenvolveu com tecnologia própria uma plataforma virtual denominada AMBIENTE VIRTUAL DE APRENDIZAGEM ? AVA ? que permite transmitir aulas em tempo real, com efetiva participação dos alunos que aderiram ao formato remoto. Os alunos do modo remoto podem interagir ao vivo por meio de um chat direto, além de terem acesso aos materiais didáticos disponibilizado pelo docente e à gravação de todas as aulas. Essas disciplinas contam ainda com tutores responsáveis pelo acompanhamento especial aos alunos.

 

A oferta de disciplinas transversais pela UFPR não se configura como Ensino a Distância (EaD), mas como um modelo híbrido em que alunos cursam disciplinas presencial e remotamente com transmissão e interação entre alunos e professores em tempo real.

Com a consolidação deste projeto, os alunos da UFPR passaram a ter acesso a aulas de alto nível, ministradas por professores que são referência internacional em sua área de conhecimento e contando ainda com o apoio de tutores para acompanhar o desempenho individual de cada aluno.

 

O PPGEAL tem participado efetivamente do projeto de disciplinas transversais da UFPR, incorporando-as no seu rol de disciplinas. Essa iniciativa possibilita aos discentes do programa, inclusive, o acesso às disciplinas ministradas na língua inglesa.

Ensino à Distância

É importante salientar que no ano de 2020, no contexto das medidas de enfrentamento da pandemia de COVID-19 no País, todas as disciplinas foram ofertadas e cursadas de forma remota. O corpo docente buscou a qualificação para desenvolver essa atividade por meio de cursos e oficinas ofertadas pela instituição. Houve a necessidade de ampliar o uso de ferramentas que estão sendo disponibilizadas pela UFPR, como Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA ? UFPR Virtual) e o Microsoft Teams (Office 365), dentre outros, para o compartilhamento de arquivos com os discentes, bem como em reuniões online, chat e videoconferência.

Disponibilizado via SIGA UFPR

Universidade Federal do Paraná
ENGENHARIA DE ALIMENTOS
Av. Francisco Heráclito dos Santos, 100
Centro Politécnico - Curitiba
Telefone: (41) 3361-3232
E-mail: posalim@ufpr.br

Universidade Federal do Paraná
ENGENHARIA DE ALIMENTOS
Av. Francisco Heráclito dos Santos, 100
Centro Politécnico - Curitiba
Telefone: (41) 3361-3232
E-mail: posalim@ufpr.br

Imagem logomarca da UFPR

©2022 - Universidade Federal do Paraná - ENGENHARIA DE ALIMENTOS

Desenvolvido em Software Livre e hospedado pela Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós-Graduação